<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d11512529\x26blogName\x3dEstupidamente+Feliz\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://estupidamentefeliz.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://estupidamentefeliz.blogspot.com/\x26vt\x3d-3372212108791558975', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

27.10.06

No Táxi

- tem preferência do caminho?
- o que for mais rápido - disse eu
- oh! Isso não me serve de nada....também eu tenho pressa!


Meu Carissimo Senhor Taxista, mas pressa de quê?

25.10.06

Bola

Não há nada como ver um jogo de futebol numa tasca cheia de palavrões.

20.10.06

Mas já leram?

Pedro

Não posso, não posso mesmo.
Não insistas, aliás, só aceitei da primeira vez pela tua insistência.
Perco a noite toda e tenho de acabar o EP para a semana.
Vá...não faças essa cara e não penses "eu já sabia..."

Beijinhos

19.10.06

Fundamentalista (até às unhas dos pés)

Morram patrões do mundo!!
Morram de fome de poder!!
Morram de sede de dinheiro!!
Morram!!

18.10.06

E se um Poeta

atingisse o fundo da profundidade da sua língua...

...aprenderia uma língua mais profunda, cheia de alma
(em que cada palavra vive por si)
como a nossa Língua Portuguesa?

13.10.06

Hábito

O hábito faz o monge.
Neste caso, o hábito fez um blog.
O hábito de algumas, poucas mas boas, pessoas cá virem deu um feedback, na maioria das vezes, saboroso, que por sua vez deu corpo ao hábito de visitar o seu hábito.
O hábito libertou e alimentou o que se tornou o hábito de escrever.

(...)

O hábito desapareceu.
Agora posso começar de novo.

Mel

...só nos falta ronronar!

6.10.06

Escrever

As saudades que eu tenho de escrever
A falta que me faz

A vida que muda, evolui...

...o amor